Tecpar orienta empreendedores durante a pandemia
04/01/2021 - 16:40

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) tem ampliado o atendimento a empresários e empreendedores que buscam orientações para desenvolver novos negócios. Uma das ações é o atendimento especializado, pela internet, que fornece gratuitamente informações técnicas a pessoas físicas e jurídicas – o Serviço Brasileiro de Respostas Técnicas (SBRT).

O Tecpar é um dos membros da plataforma, que é apoiada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e reúne nove instituições com atuação reconhecida nas áreas de ciência, tecnologia e inovação.  O instituto é responsável pelo atendimento de clientes dos estados do Paraná e do Mato Grosso do Sul, e também atende demandas de usuários que vivem fora do país.

Além disso, a equipe técnica que atende ao SBRT desenvolve um minucioso processo de atualização das respostas, acompanhando as mudanças tecnológicas e legislativas.  Só este ano a atualização de conteúdo foi cinco vezes maior que em 2019. Em relação às respostas técnicas, a demanda dobrou.

APOIO AO EMPREENDEDORISMO – A participação no SBRT faz parte de uma série de iniciativas do Tecpar para apoiar o empreendedorismo inovador e difundir o conhecimento científico para a sociedade.  

Segundo o diretor-presidente do Tecpar, Jorge Callado, o serviço tem sido procurado com mais intensidade durante a pandemia, por ser uma fonte essencial de pesquisa para microempreendedores que querem começar um novo negócio, que precisam melhorar seus processos de produção ou desenvolver novos produtos.

“A produção do conhecimento científico têm crescido rapidamente neste período, bem como as mudanças na legislação, por isso é importante buscar informações de fontes confiáveis. Por meio do SBRT, o Tecpar coloca à disposição seus especialistas em gestão da informação, para responder as mais diversas dúvidas dos usuários”, diz Jorge Callado.

ORIENTAÇÃO – Proprietário de uma distribuidora de vidros e espelhos em Curitiba, o empresário Rodrigo Francisco Strapasson ouviu falar do apoio oferecido pelo SBRT em uma aula de pós-graduação. Tempos depois, com sua empresa fechada por conta da pandemia, ele começou a pensar em novas formas de empreender. Ao perceber que precisava de um respaldo técnico para saber da viabilidade de suas ideias, buscou o SBRT e foi orientado pela equipe técnica do Tecpar. Segundo o empresário, o atendimento foi essencial para dar um direcionamento às suas ideias. 

“ Muitas pessoas iniciam seus negócios sem um conhecimento prévio sobre a área que deseja atuar, e acabam fechando por falta de preparo. Esse serviço de orientação é fundamental para quem quer montar um negócio estruturado, uma ferramenta a mais para que o empreendedor possa se preparar e ter mais sucesso no trabalho que se propõe a fazer”, diz Strapasson.

BANCO DE DADOS – O Tecpar é uma das instituições fundadoras do Serviço Brasileiro de Respostas Técnicas (SBRT) e participou, em 2019, do evento em celebração de 15 anos do serviço, idealizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

O banco de dados do SBRT somou 34 mil respostas e dossiês técnicos. Esse acervo de documentos é resultado de cerca de 66 mil perguntas realizadas pelos usuários da plataforma com mais de um milhão de acessos diretos aos seus conteúdos desde a sua criação.

O Tecpar já recebeu mais de 6,5 mil solicitações, sendo publicadas 3 mil respostas técnicas e outras 3,5 mil respostas com orientações, entre os 15 mil usuários cadastrados na área de abrangência do instituto.

“As respostas e dossiês técnicos produzidos pelo SBRT formam um banco de em constante atualização. Todas as informações registradas são de acesso público, e podem ser acessadas por outros interessados, além do solicitante. Podem, ainda, orientar novas demandas mais pontuais ou complementares”, explica Lívia Nogueira dos Santos, gerente do Centro de Informação e Vigilância Tecnológica do Tecpar.

Para ter acesso ao banco de informação do SBRT, basta se cadastrar no portal http://www.respostatecnica.org.br/ e registrar o pedido de informação ou pesquisar entre as respostas publicadas.  O atendimento é gratuito.

Últimas Notícias