Tecpar publica edital para projeto executivo de Laboratório de Diagnósticos Veterinários
16/06/2020 - 09:50

O Instituto de Tecnologia do Paraná publicou edital para o projeto executivo de um novo Laboratório de Produção de Insumos para Diagnóstico Veterinário (ver link do edital abaixo). Pelo Estudo de Viabilidade Técnica e Financeira feito pelo Tecpar, a unidade terá capacidade produtiva de 40 milhões de doses ao ano de sete produtos voltados ao diagnóstico de tuberculose, brucelose e leucose em rebanhos bovinos, suínos e ovinos.

Esses produtos atendem o Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. A previsão é que em dois anos sejam iniciados os testes de produção da unidade, que será viabilizada com investimento inicial de R$ 15,4 milhões do Fundo Paraná, no câmpus CIC do instituto.

O diretor-presidente do Tecpar, Jorge Callado, disse que a retomada da produção de kits diagnósticos veterinários será um marco importante para apoiar o agronegócio brasileiro. “Historicamente o Tecpar produziu esses kits, mas a planta precisou passar por uma modernização. A intenção é voltar a fabricar insumos para prevenir doenças que podem causar diversos prejuízos aos pecuaristas e apoiar a exportação agropecuária, uma vez que as exigências sanitárias dos países importadores estão cada vez mais altas”, explica.

PRODUTOS – Sete produtos serão produzidos no Laboratório de Produção de Insumos para Diagnóstico Veterinário do Tecpar: reagentes para diagnóstico de tuberculose bovina, que incluem a tuberculina PPD bovina e a tuberculina PPD aviária; reagentes para diagnóstico de brucelose bovina, com a produção de Antígeno Acidificado Tamponado (ATA), Antígeno para Prova Lenta e Antígeno para Prova do Anel do Leite (Ring test); e Kits de diagnóstico pela técnica de imunodifusão em gel de ágar (IDGA), com kits para diagnóstico de Brucella ovis e para Leucose Enzoótica Bovina.

HISTÓRICO – O Tecpar tem experiência em insumos, começando a produção na década de 1950, quando ainda se chamava Instituto de Biologia e Pesquisas Tecnológicas (IBPT).

Naquela época, os especialistas do instituto foram responsáveis pelas primeiras investigações epidemiológicas sobre brucelose e tuberculose no Paraná.

Os insumos desenvolvidos pelo Tecpar naquele momento foram kit de imunodifusão em gel de Agar para diagnóstico de Brucella ovis e tuberculina PPD bovina e tuberculina PPD aviária.

Para ver o edital clique em http://www.tecpar.br/licitacao_016_2020/

Últimas Notícias